sábado, 4 de agosto de 2012

POR QUE AS FAMÍLIAS HOSPEDAM?


Merecem especial destaque, as famílias que hospedam voluntariamente. São famílias que abrem as portas de seu lar para receber estudante, e não tem nenhum ganho ou vantagem financeira por isso.

Trata-se de uma situação comum, no intercâmbio de high school. Este tipo de intercâmbio de high school com famílias voluntárias, ainda é comum nos Estados Unidos e em alguns países da Europa, que é o velho mundo, que sofreu com guerras.
Na verdade, após a Segunda Grande Guerra Mundial, as famílias de descendência europeia que viviam nos Estados Unidos começaram a receber as crianças (órfãos alemães) que perderam seus pais por conta da guerra. Estas crianças saíam da Alemanha e seguiam para viver e estudar nos Estados Unidos.  Crianças órfãos de outros países como Vietnã e dos demais  países da Europa também foram “adotadas” pelos americanos e aos poucos este número de países envolvidos em hospedar, dar abrigo, conselho, amor, oportunidade de estudos e em divulgar e promover a paz mundial aumentou, expandindo-se para outros países.
E assim, começa a história do intercâmbio .... 

MOTIVO 1
Então, em alguns países, hospedar já faz parte da história, da cultura, do desenvolvimento humano. Está intrínseco no modo de vida deles.

MOTIVO 2
Algumas famílias hospedam para aprender sobre outros países e culturas e ensinar sobre sua cultura. Lembro-me de um menino que foi para o high school e viveu a seguinte situação:
-a mãe hospedeira era uma torpedo woman, uma single woman, com 4 filhos (3 meninas e 1 menino). A princípio, o intercambiário Gustavo achava que tinha sido hospedado para ser companhia para o menino, já que na casa predominava mulheres. E um dia, durante o jantar, ele perguntou a mãe hospedeira o porquê ela decidiu “pegá-lo” como intercambiário. E Gustavo contou-me que a resposta dela foi:
- Gustavo, nós americanos sabemos muito pouco de outra cultura, dos outros países... nossas escolas só ensinam e focam na cultura e história americana. Mas eu preciso que meus filhos saibam que o mundo vai além disso, além das fronteiras americanas. No entanto, eu tenho 4 filhos e trabalho na Marinha Americana e não tenho condições financeiras de mandar meus 4 filhos fazer intercâmbio, então, faz um tempo, eu decidi trazer o mundo pra minha casa... Você é o brasileiro e com você estamos aprendendo coisas sobre o Brasil e enquanto eu tiver forças pra trabalhar e sustentar esta casa, eu pretendo trazer um intercambiário de uma nacionalidade diferente todo ano pra minha casa.

MOTIVO 3
As famílias hospedam para aprender ou praticar outra língua, além de proporcionar um ambiente nativo da língua local para que o estudante aprenda.
Atualmente, um exemplo disso, tem sido os chineses... eles tem recebido intercambiários do mundo todo em suas casas, voluntariamente, para que desta forma, seus filhos aprendam o inglês.
Ninguém chega na China falando mandarim, todo mundo chega falando a língua comum, ou seja o inglês.
Então, já que todo mundo chega na China e só sabe falar o inglês, ninguém sabe falar o mandarim; os chineses aproveitam isso pra que seus filhos aprendam o inglês de uma maneira rápida, eficiente, sem gastar com escola.
E em troca disso, o intercambiário aprende sobre a cultura chinesa, a língua nativa (mandarim) sobre como negociar com os chineses, já que agora a China é a bola da vez e o resto do mundo está em crise.

MOTIVO 4
As famílias hospedam para dar às suas próprias crianças, uma experiência única, enriquecendo sua educação.
Lívia, por exemplo, foi para uma família hospedeira, perto de Boston, nos Estados Unidos. A família hospedeira aqui descrita, tinha adotado duas meninas quando estas meninas ainda eram bebês. Uma menina era brasileira e uma menina era chinesa.
Estas meninas agora chegaram a adolescência.
Como as meninas foram tiradas de sua terra natal logo ao nascer, não sabem nada sobre suas origens, a cultura de onde vieram.
Diante disso, a família decidiu hospedar uma estudante de intercâmbio brasileira para que a brasileira contasse tudo de Brasil para as meninas. E no ano seguinte, a família receberia em sua casa, uma estudante de intercâmbio chinesa.
A família hospedeira recebeu Lívia de braços abertos.
Lembro-me que Lívia dançava balé no Brasil e quando chegou na escola americana, tinha jazz mas as americanas eram muito ruins ainda nesse tipo de dança/arte.
Então, o pai hospedeiro, levava a Lívia até a cidade aonde ela poderia praticar as aulas de balé, esperava no carro até a Lívia acabar e a levava de volta pra casa.
E foi desta forma, que ela foi descoberta pelo Bolshoi Ballet.

MOTIVO 5
As famílias hospedam para dividir suas vidas com um estudante.
Juliana foi hospedada por uma família hospedeira que tinha uma adolescente diabética, obesa e que não gostava de sair de casa, com poucos amigos e que se julgava muito feia.
Juliana chegou na casa, se inscreveu num clube de viagens que tinha na cidade, inscreveu a irmã hospedeira também, fez com que a irmã entrasse e participasse de tudo o que ela entrava: jogos, dança, festas, assistir jogos, viagens... incentivou a irmã a fazer regime.
A irmã arrumou até namorado.
Aos poucos, Juliana conseguiu transformar a vida daquela menina.
Tanto a família hospedeira como a irmã faziam tudo o que podiam pela Juliana, pois a mãe hospedeira dizia que por mais que ela se esforçasse, jamais conseguiria retribuir o que Juliana tinha feito pela família dela.
Juliana fez um intercâmbio feliz, intenso... e a amizade com a família hospedeira perdura até os dias de hoje.
Só uma observação... Juliana teve 3 famílias canceladas antes de embarcar para esta família... mas vou tratar disso (os cancelamentos e os imprevistos) num outro capítulo.

MOTIVO 6
As famílias hospedam para ter no estudante, um companheiro ou amigo após a saída dos filhos de casa, uma separação ou viuvez;
A família hospedeira do Felipe era um casal de aposentados. O casal tinha filhos, mas todos casados e com filhos também.
Mas o casal sentia muita falta de ter filhos em casa e por este motivo hospedava estudantes de intercâmbio
Não preciso nem dizer o quanto este casal tratava bem os intercambiários, né? Basta dizer que todo mundo queria ir pra esta casa.


Daqui a pouco, eu continuo, pois ainda tem motivo 7, 8, 9, 10 e etc

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelos seus comentários e considerações. Entraremos em contato em breve.