domingo, 16 de agosto de 2015

NO news = GOOD news!


Quando iniciei na indústria dos intercâmbios, eu ainda sem experiência,  certa vez, perguntei à Manager Admissions do escritório nos Estados Unidos, como estavam se saindo os meus queridos estudantes...

E ela me disse: "_ no ramo de intercâmbios, se você não aprender a pensar como eu, você ficará doente e doida. E pensar como eu penso_ disse ela, e é o certo a se pensar. Pois não existe alguém vigiando estudantes o dia todo e narrando o que fazem ou deixam de fazer. Então, aprende: não ter notícia alguma é a melhor notícia que você poderia ter. E ela acrescentou... no nosso ramo, funciona assim NO NEWS, GOOD NEWS."

E a partir daí, percebi que esta foi uma das lições mais certas que alguém poderia me dar.

Como a gente sabe que um intercambiário está se dando bem no programa escolhido?
Quando ele não dá notícia.

O fato de não dar notícia significa que:
- o intercambiário está envolvido em atividades;
- está se adaptando  adequadamente ao país de destino;
- está conseguindo fazer amigos;
- está aprendendo a lidar com os medos, ansiedades, saudade, etc;
- está pondo à prova sua capacidade de resolver situações novas e os seus limites.

Mas, veja, não significa que não tenha dificuldades.
Tem sim. Um monte, de todo tipo.
Mas está aprendendo a lidar com as dificuldades e a resolver problemas, e isso faz com que se sinta mais forte para enfrentar o dia seguinte e tudo o que vem pela frente.

Então, a gente escuta assim de quem ficou por aqui, ou seja, dos pais, amigos, namorado(a), avós...
"- coitadinho, está passando por tudo isso sozinho, poderia ligar pra gente e pedir ajuda...."

E eu te pergunto:
- então tá, efetivamente, que tipo de ajuda você poderia dar estando aqui: conselho?  E quem disse que seu conselho é bom e adequado?

Intercambiário que tem necessidade de falar com quem ficou no Brasil todo o tempo tem problemas em alguma(s) esfera(s) do seu programa, ainda não fincou o pé no país de destino e ainda não está totalmente envolvido no ambiente para o qual foi, nem em nada do seu programa de intercâmbio.

O maior problema é que talvez nem ele mesmo enxergue isso:
- o fato de falar demais com o Brasil e em português;
- o fato de não se desapegar dos amigos daqui e prefere contar tudo aos amigos daqui, não se preocupar em fazer novos lá no destino...
- dá notícia demais, aparece demais nas redes sociais...
- são indicadores de que algo não vai bem.

Então, não ter notícia é a melhor notícia: no news, good News

E sabe o que mais? Morra de inveja, mas significa que lá está tão bom, mas tão bom, está bom demais, com muita coisa nova e legal pra fazer, com muita gente nova que pensa diferente e não sobra tempo e nem disposição pra se preocupar com todo o resto.
E quando voltar pra cá, aí ele se preocupa.
Mas até lá, vai viver!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelos seus comentários e considerações. Entraremos em contato em breve.